Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2021 AGOSTO Em 5 anos do PAA, Emater investiu R$ 24,7 milhões na compra e doação de alimentos em Alagoas
23/08/2021 - 09h44m

Em 5 anos do PAA, Emater investiu R$ 24,7 milhões na compra e doação de alimentos em Alagoas

Neste período foram quase 10 mil toneladas de alimentos adquiridos e entregues simultaneamente

Em 5 anos do PAA, Emater investiu R$ 24,7 milhões na compra e doação de alimentos em Alagoas

O Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável de Alagoas (Emater) investiu R$ 24,7 milhões no estado durante os cinco primeiros anos do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Ao todo, foram 9,8 mil toneladas de alimentos comprados de agricultores familiares e distribuídos às famílias que estão abaixo da linha da pobreza em Alagoas.

O programa atende 64 municípios distribuídos entre sete regionais, estas são: Agreste I, Agreste II, Alto Sertão, Médio Sertão, Baixo São Francisco, Grande Mata Alagoana e Metropolitana.

A regional que mais recebeu investimentos foi a Grande Mata, com R$ 9,1 milhões, 36,8% do total, e 4,3 mil toneladas de alimentos, 43,9% do todo. As demais tiveram recursos no valor de R$ 5,3 milhões para a compra de 2,2 mil toneladas no Agreste I; R$ 3,7 milhões para a aquisição de 1,4 mil toneladas no Baixo São Francisco; R$ 3,08 milhões e 922 toneladas no Alto Sertão; R$ 1,8  milhão e 358,8 toneladas no Médio Sertão; R$ 1,6 milhão e 537,9 toneladas no Agreste II; e R$ 2,3 mil e 1,1 tonelada na Metropolitana.

Residente no Povoado Riachão, em Junqueiro, município atendido pela regional do Baixo São Francisco, a agricultora Claudete Dias afirma que o PAA é mais que um programa de transferência de renda. “É algo que valoriza meu trabalho enquanto mulher agricultora, passei por muitas dificuldades financeiras, mas é através do PAA que eu posso hoje ajudar minha família, comprar os remédios da minha mãe e dar uma vida digna a quem eu amo. Sem o PAA, eu não sei o que seria de mim”.

Para a produtora Juliana Melo é um “grande prazer” participar do programa. Ela mora no Povoado Serrote dos Bois, em Santana do Ipanema, cidade atendida pelo escritório do Médio Sertão. “Com o PAA, nós temos onde vender o nosso produto com um preço justo e com a certeza de receber o dinheiro todos os meses. É um programa de grande importância, pois é dele que eu tiro o sustento da minha família”.

Entre todos os agricultores familiares que são beneficiados pelo programa, a satisfação é unânime, uma vez que o PAA possibilita a venda seus produtos a preço justo, honrando o suor derramado e todo o esforço posto no campo. Cada um deles com suas motivações pessoais, mas unidos em uma única causa: produzir alimentos de qualidade e livres de agrotóxicos.

A Emater executa o PAA por meio de recursos federais do Ministério da Cidadania, na modalidade doação simultânea, nos 83 municípios alagoanos que atende. Até hoje, o programa já beneficiou mais de 100 mil pessoas, por meio da compra de quase 10 mil toneladas de alimentos e mais de R$ 24,7 milhões aplicados na agricultura familiar.

Para a execução da proposta 2021/2022, a adesão estadual dispõe de mais de R$ 5,8 milhões para dar continuidade ao projeto em Alagoas. A atual, 2020/2021, está em 75% de execução, com previsão de conclusão dentro dos próximos 90 dias. 

O valor investido na vigente foi de R$ 9,8 milhões. Nas propostas anteriores, foram aplicados R$ 3,3 milhões em 2016/2017; R$ 2 milhões em 2017/2018; R$ 6 milhões em 2018/2019 e a mesma quantia em 2019/2020.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

null

banner-transparencia.png

banner_ASBRAER_pesquisa_interna.jpg

PARCEIROS

Embrapa

Banco do Nordeste

169bannerdados.png